Buscar
  • Robson Pitta

As multas mais comuns durante a viagem de férias

Com o período de férias chegando todos os condutores já pensam uma coisa: pegar seu carro e ir viajar! Se você já arrumou as malas, separou os óculos de sol, só falta ler esse artigo até o final e descobrir como evitar as 5 multas mais comuns durante as viagens de fim de ano.

Velocidade acima do permitido

Chegar cedo e curtir aquele dia de sol na praia é o seu grande objetivo, por isso acredita que não há problema algum em acelerar um pouquinho a mais e poder aproveitar melhor o dia, certo?


Errado! Essa é uma visão equivocada da maioria das pessoas que pegam o carro para viajar nas férias.


Ultrapassar a velocidade limite não é somente prejudicial à sua segurança, mas também pode acarretar multas de graves a gravíssimas.


A infração pode ficar ainda pior dependendo da justificativa do condutor, por isso, caso seja pego, lembre-se de jamais dar a desculpa de que o velocímetro estava quebrado, até porque isso servirá como um motivo a mais para te aplicarem outra multa.


A dica é: atente-se ao limite de velocidade e lembre-se que devagar a gente sempre chega lá!

Confira os equipamentos obrigatórios

Triângulo, macaco e estepe são itens, além de necessários, obrigatórios! São esses equipamentos que irão te auxiliar em alguma situação de imprevisto, e a obrigatoriedade desses equipamentos já estão previstos na lei. Por isso, não saia de casa e, muito menos, adentre a estrada sem portar esses instrumentos.


Ah, se você optou por manter um extintor no seu automóvel, certifique-se de que sua validade está dentro do prazo, afinal essa irregularidade pode te causar problemas em situações necessárias e também com a fiscalização.

Fique alerta ao excesso de bagagem

Ao contrário do que muita gente pensa, existem regras para se transportar bagagens fora do porta-malas. Por isso, se você é do tipo de pessoa que leva praticamente a casa inteira dentro da mala, sugerimos que você reveja suas necessidades!


Segundo as regras do CTB (Código de Trânsito Brasileiro) a bagagem não deve ter mais do que 50 cm de altura e não deve, de modo algum, ultrapassar a largura do teto e o comprimento do veículo.


Certifique-se também de de que ela esteja bem presa para não cair. Além da frustração de perder seus pertences, você ainda pode causar sérios acidentes e ferir outras pessoas na estrada.

Faça o check up do seu veículo

Além de te tranquilizar sobre possíveis problemas durante o caminho, fazer um check up antes de pôr o pé na estrada é essencial para te livrar de multas.


Caso seja identificado vazamento de óleo ou de água no seu veículo, esteja ciente de que isso será considerado como uma infração gravíssima.


Fumaça escura também quer dizer que não está tudo bem! Isso poderá te causar uma multa por má conservação.

Mantenha a documentação do veículo e sua em dia

Por último, mas não menos importante (ou melhor, extremamente importante): mantenha sua documentação em dia.


CNH, IPVA e licenciamento atrasados poderão te trazer grandes problemas, sobretudo menos dinheiro para a viagem!


O não pagamento não IPVA não gera multa, mas impede do carro ser licenciado, o que pode dar problemas. Para que não haja complicações e decepções no meio da viagem, procure manter sua documentação em ordem.


E se mesmo com todas essas dicas, você tiver problemas com multas na viagem de fim de ano, não tenha dúvidas: fale com a gente!


O Multas Curitiba é devidamente estruturado com uma equipe de especialistas em direito de trânsito. Trabalhamos até o último instante para que você tenha seus direitos garantidos, enquanto segue sua rotina normalmente sem se preocupar com esses problemas. Deixe isso em nossas mãos tenha seu direito de recorrer garantido conosco aqui.

1 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo